sábado, 24 de junho de 2006

3 - Corvo

4 comentários:

  1. gostei muito bastante!

    grande beijo, yü!

    ResponderExcluir
  2. voce nao sabe desenhar..... mas eh um rabisco engraçado, até certo ponto...

    ResponderExcluir
  3. "Abri então a vidraça, e eis que, com muita negaça,
    Entrou grave e nobre um corvo dos bons tempos ancestrais.
    Não fez nenhum cumprimento, não parou nem um momento,
    Mas com ar solene e lento pousou sobre os meus umbrais,
    Num alvo busto de Atena que há por sobre meus umbrais,


    Foi, pousou, e nada mais. "

    Trecho de "O Corvo", de Edgar Allan Poe

    ResponderExcluir
  4. eu discordo q vc ñ sabe desenhar....isso ñ existe
    sabe sim e ficou muito legal...deve ter sido relaxante rabiscar esse troço neh

    bjo

    ResponderExcluir