domingo, 3 de setembro de 2006

A canção segue a torcer por nós

Era um era dois era cem
tumtumtum turuntuntuntch tuntch
mil tambores e as vozes do além
tumtumtum turuntuntuntch tuntch
Povo velho, senzala, casa cheia
tumtumtum turuntuntuntch tuntch
repinica rebate revolteia
tumtumtum turuntuntuntch tuntch
Bate forte até sangrar a mão
tumtumtum turuntuntuntch tuntch
E batendo pelos que se foram
tumtumtum turuntuntuntch tuntch
Ou batendo pelos que voltaram
tumtumtum turuntuntuntch tuntch
Os tambores de Minas soarão
tumtumtum turuntuntuntch tuntch
Seus tambores nunca se calaram


(de Milton Nascimento)

Um comentário:

  1. Eu achava que era Ponteio, mas (não lembro a letra) não parece encaixar direito na melodia...

    ResponderExcluir