sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Festa Junina

Pois eram os idos de 2008. Lá pra junho, uma festa junina no estacionamento da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas.

Eu, que não tinha me vestido a caráter, pintei (mais) sardas no rosto e aceitei que se fizésse duas trancinhas no meu cabelo. Eu, sinceramente fiquei uma graça. Como não se pode passar incólume de uma situação como essa ocorreu o seguinte: uma garota, presa na cadeia da qual eu era carcereiro, veio me perguntar quando que poderia sair. Eu respondi que faltavam alguns minutos. E ela, ouvindo minha voz, se aproximou da minha cara, me olhando profundamente: "Nossa! Você é ele!"

Eu já fui confundido com uma mulher.

2 comentários:

  1. Hahahaha

    Bem, eu já fui confundida com um homem várias vezes, e nem estava vestida como um.

    ResponderExcluir
  2. esse foi o primeiro post q eu vi qnd seu blog teve 1 visita de São Caetano...
    uhauahuhuahuau... eu soube q vc tava um chuchuzinho, mas dessa ai eu não sabia, garotinha com problemas hormonais.

    =*****

    ResponderExcluir